Teleconsultoria Médica

Incontinência urinária: pode ser câncer?


Sintoma de incontinência urinária pode ser um grande indicador do 2º câncer mais comum para os homens: o câncer de próstata. Por isso, fique atento, para qualquer alteração e siga alterações com seu médico para prolongar sua qualidade de vida e detectar qualquer problema com tempo hábil para tratamento. Muitos problemas urinários, se tratados a tempo, tem seus sintomas completamente revertidos sem sequelas. Veja nesse artigo como identificar e prevenir.

Você tem dificuldade em iniciar e manter um fluxo constante de urina? Fluxo urinário fraco, retenção urinária? Não conseguir segurar a urina e levantar-se várias vezes durante a noite para ir ao banheiro parece familiar? Se esse episódio é recorrente na sua vida, procure um médico. Como o problema parece natural do envelhecimento, muitas vezes, as pessoas não procuram ajuda, e é aí que mora o perigo!

O que é Incontinência Urinária?

Incontinência urinária pode ocorrer em qualquer idade e significa uma perda temporária ou permanente do controle da urina. Na velhice esse tipo de situação pode se tornar mais frequente. Por exemplo, vontade de urinar repentina, escapes durante algum esforço pequeno ou durante um espirro, ou visitas frequentes ao banheiro mesmo com pouca micção.

O tipo mais comum relacionado ao envelhecimento é a incontinência urinária transitória. Ela ocorre quando o problema é causado por fatores reversíveis, geralmente fora do aparelho urinário.

O que causa Incontinência Urinária? Quais seus fatores de risco?

A incontinência urinária pode ser causada por infecções, prisão de ventre, excesso de produção de urina, alguns medicamentos, fatores psicológicos, mobilidade restringida, hiperplasia prostática benigna, Câncer e outros. Se a causa não é identificada, pode instaurar-se um quadro de incontinência urinária crônica.

O Diagnóstico e Tratamento da Incontinência Urinária

Não há um especialista específico para identificar uma infecção urinária simples. Um clínico geral, um urologista ou mesmo um angiologista, são todos aptos a fornecer um diagnóstico e encaminhar o cuidado para o especialista mais adequado a tratar a causa raiz. O diagnóstico é feito pela avaliação dos sintomas e do histórico do paciente. Exames comumente pedidos são o tradicional exame de urina, mas também pode ser necessária uma ultrassonografia.

Tratamentos indicados podem ser múltiplos, a depender sempre da causa raiz. Na terceira idade, pode ser necessário treinamento e exercícios pélvicos, até medicamentos e cirurgia. Só o seu médico pode criar um plano de ação e tratamento seguro e ideal para você. com o tratamento da causa, é possível que os sintomas desapareçam por completo.

É possível que o uso de fralda geriátrica seja indicado durante o tratamento. Mas, não se desespere! Hoje em dia há tipos discretos, mantendo a funcionalidade com conforto, praticidade e você pode até procurar online, garantindo sua privacidade.

Prevenção a Incontinência Urinária

Evitar maus hábitos, como álcool, cafeína, cigarro e uma boa alimentação e manter uma rotina de ir ao banheiro a cada 4 horas são um grande passo para prevenir muitas doenças, inclusive as que causam incontinência urinária. Mantenha o peso e uma rotina saudável de exercícios para ficar bem longe das ameaças a sua saúde.

A fisioterapia é sua aliada também. No Centro Médico de Andrologia trabalhamos com tratamentos integrados com profissionais de todas as áreas de cuidado a saúde masculina e podemos orientá-lo.

Normalmente incontinência urinária não é sintoma de doença grave. Porém, tratar como natural e deixar o quadro se agravar pode trazer sérias complicações para sua saúde e sua qualidade de vida.

Tem dúvidas? Faça sua Avaliação Médica.

Teleconsultoria Médica