Teleconsultoria Médica

Estresse e ansiedade: os inimigos da boa saúde sexual masculina


Uma vida sexual saudável depende de vários fatores, incluindo a saúde física e o equilíbrio emocional, afinal, quando os sentimentos e emoções não estão em ordem, isso interfere diretamente no desempenho sexual. Nesse sentido, problemas como o estresse e ansiedade podem afetar a saúde sexual masculina, desencadeando a ejaculação precoce e a temida disfunção erétil. Quer entender por que os homens ansiosos e estressados possuem maiores chances de ter dificuldades na hora do sexo? Então vem conferir o nosso artigo!

Estresse e ansiedade provocam alterações hormonais que prejudicam a saúde sexual masculina

Situações de estresse e ansiedade fazem com que o organismo aumente a produção de várias substâncias, dentre elas, a adrenalina. Em excesso, esse hormônio acaba levando o homem a falhar durante o ato sexual. Para minimizar esse problema, é importante adotar hábitos saudáveis, praticar exercícios físicos, abandonar o tabagismo, se alimentar bem e procurar relaxar. Desse modo, dificilmente você sucumbirá à rotina intensa e estressante.

Esses problemas emocionais geram reflexos físicos

O estresse intenso e a ansiedade persistente prejudicam não só as emoções, mas também o desempenho físico. Quando estamos estressados, o coração bate mais rápido, os músculos e vasos sanguíneos se contraem e fica mais difícil relaxar.

Como se não bastasse, ansiedade e estresse prejudicam a ereção, pois a adrenalina produzida em demasia impede a ação do óxido nítrico, um dos responsáveis por fazer o sangue chegar à região peniana em maior quantidade, deixando-o rígido e preparado para a relação sexual.

A ansiedade e estresse costumam vir acompanhados de outras dificuldades emocionais

Estresse e ansiedade não chegam sozinhos. Normalmente eles surgem acompanhados de problemas como nervosismo, irritabilidade, cansaço, insegurança, sentimento de culpa e dificuldades no relacionamento. Tudo isso leva o homem a falhar eventualmente, mas, em casos mais graves, os episódios podem recorre e acabam se transformando em problemas sérios, como impotência sexual e ejaculação precoce – típicos da falta de saúde sexual masculina.

Falhar uma vez pode dar início a um ciclo em que o homem sente medo de falhar novamente, o que aumenta – e muito – as chances de relações tensas e insatisfatórias para os envolvidos.

Fique atento! Falta de sexo pode causar estresse e ansiedade

Se por um lado, o estresse e ansiedade podem prejudicar o ato sexual, por outro lado, a falta de sexo pode deixar as pessoas mais estressadas e ansiosas. Ter uma vida sexual saudável é essencial para manter corpo e mente na mais perfeita ordem. Dentre outros benefícios, o sexo gera bem-estar, alivia as tensões, ativa a circulação, melhora o humor, fortalece a musculatura e traz outras vantagens para a saúde sexual masculina.

E aí, você gostou do nosso artigo? Ficou clara a relação entre a ansiedade e estresse e a saúde sexual masculina? Tem alguma dúvida sobre esse assunto? Compartilhe as suas opiniões, experiências e questionamentos conosco! E se você tem sofrido com o estresse e ansiedade, não deixe de conferir o nosso Novo Guia de Saúde Sexual Masculina. Até a próxima e continue acompanhando as novidades do nosso blog!

 

Teleconsultoria Médica