Teleconsultoria Médica Grátis

Como ajudar o parceiro no tratamento da disfunção erétil – Entenda em 5 passos


Ajudar o parceiro no tratamento da disfunção erétil é um tópico delicado e a grande maioria dos nossos pacientes tem dificuldade de tocar no assunto. Acontece que essa timidez pode até prejudicar ou deixar mais lento o tratamento. A impotência muitas vezes é influenciada pelos fatores emocionais e é claro que parceria é importantíssimo nesse momento. Mesmo que o psicológico não seja a causa principal, companhia é sempre bem-vinda. Então, vamos ver como estar presente e ajudar o parceiro no tratamento da disfunção erétil?

Diálogo e informação é uma combinação infalível

Esse momento é muito delicado, mas sabemos que homens são um pouco teimosos quando o assunto é cuidado médico, então buscar artigos e tentar ter um diálogo aberto com o parceiro é muito importante. Primeiramente, saiba que falhar esporadicamente não quer dizer que está acontecendo nada de errado. Disfunção erétil ou impotência é caracterizada por uma dificuldade frequente de atingir ou manter a ereção. Impotência não é sinônimo de falta de desejo, mas pode ser um sinal de doença cardíaca grave, por exemplo. Então espante a vergonha e combata a frustração momentânea com uma boa conversa e uma Avaliação Médica.

Acabe com a pressão

Falhar na hora H é uma decepção para os dois, sem dúvidas. A melhor maneira de lidar com isso é não aumentando a pressão. Saiba que stress e ansiedade liberam substâncias na sua corrente sanguínea como a adrenalina, que dificulta muito mais a ereção. Regra de ouro para a vida: não diga ou faça nada de cabeça quente.

Incentive seu parceiro a continuar o tratamento

Parabéns, seu parceiro começou o tratamento! Agora é seguir ele a risca conforme a orientação médica. Os horários para tomar a medicação importam, a constância é chave para reequilibrar o organismo e restabelecer a qualidade sexual. Abandonar a medicação pode até agravar a situação. Na Clínica HMED Andrologia trabalhamos com médicos experientes, tratamentos personalizados e com segurança, sem efeito colateral. Por isso, cada parte do tratamento é pensada para o paciente de forma a potencializar a cura. Não queremos você dependente de pílulas, mas sim a recuperação da sua vida sexual 100% sadia. Confie e siga seu plano.

Massagem Testicular para ajudar o parceiro no tratamento da disfunção erétil

Existem diversas técnicas de massagem testicular que podem ajudar seu parceiro, estimulando desde a produção de testosterona, que cai com a idade, até uma melhora na circulação sanguínea e do esperma, por exemplo. Atestamos que funciona em muitos casos e não custa tentar, não é? Pode render também um momento mais íntimo interessante.

Melhorem seus hábitos juntos

Você sabia que a disfunção sexual pode ter como causa problemas no coração? Ter uma alimentação equilibrada e fazer exercícios é fundamental para fugir desse fantasma da vida do homem. Além disso, o corpo fortalecido pelo exercício fica mais preparado para a intimidade e o coração pronto para viver gostosas sensações. Nada melhor do que se exercitar juntos, não é? Uma boa parceria de caminhada e muitos problemas ficam para trás.

 

Gostou? Compartilhe esse post com seu parceiro!

Teleconsultoria Médica Grátis