Teleconsultoria Médica

Impotência Sexual


disfuncao-eretil-tratamento-300x150impotência sexual (também amplamente chamada de disfunção erétil) é a incapacidade do homem de obter e manter uma ereção plena durante a atividade sexual. Há casos em que a ereção não é obtida suficientemente para permitir a penetração na parceira. Em outras situações, o homem efetua a penetração, mas não consegue manter a ereção prolongada, o que impede a consumação do ato sexual.

Além de causar constrangimento para muitos homens, a impotência sexual pode afetar o relacionamento dos casais, prejudicando a intimidade sexual e emocional. Em uma situação ocasional, a impotência sexual pode ser encarada como normal. No entanto, quando se trata de um quadro permanente, a disfunção precisa ser investigada por um médico, para que assim seja realizado um tratamento para impotência sexualdo paciente. A impotência sexual não deve ser encarada como uma doença, mas sim como um sintoma de um outro problema – seja ele psicológico, físico ou uma combinação de ambos.

Quando a impotência sexual se manifesta

impotência sexual se manifesta em diferentes graus e faixas etárias, afetando jovens, adultos e idosos. Ela pode ocorrer de forma progressiva, levando até mesmo meses ou anos para se consumar. Em outros casos, porém, pode ocorrer de forma súbita.

Leia mais:

– Confira alguns mitos e verdades sobre a impotência sexual

– Leia sobre as principais diferenças entre Urologia e Andrologia

Causas da impotência sexual disfuncao-eretil-300x225

impotência sexual ocasional não deve preocupar os homens. Fatores como ingestão de álcool, ansiedade e cansaço podem fazer com que o homem tenha esta experiência uma vez ou outra.

Já a impotência sexual recorrente revela problemas maiores que precisam ser investigados e tratados. Embora a impotência possa ter causas psicológicas, como ansiedade, estresse e depressão, sabe-se que há diversos fatores orgânicos que podem causar seu aparecimento. Diabetes, colesterol elevado, hipertensão arterial, tabagismo e obesidade são alguns dos fatores que podem prejudicar o fluxo de sangue no pênis, anulando a capacidade do homem manter uma ereção plena.

Além disso, a dificuldade na manutenção de uma ereção pode levar o homem a ficar demasiadamente preocupado com seu desempenho sexual, o que poderá invariavelmente agravar ainda mais o problema.

impotência sexual pode ser considerada um sinal da andropausa?

Sim, segundo novos estudos médicos, um dos sinais da perda hormonal masculina, a andropausa, é a perda da capacidade de manter a ereção forte durante toda relação sexual. A andropausa pode portanto apresentar sintomas, como a de falta de desejo sexual, stress, perda de massa muscular, assim como a impotência sexual propriamente dita.

O lado bom é que existem tratamentos tanto para os sintomas como para a própria perda hormonal.

Saiba Mais:

– Saiba mais sobre o Spray para Disfunção Erétil do Grupo de Andrologia

– Conheça mais sobre as causas da impotência sexual

Tratamento para impotência sexual

Visto que diversos fatores podem estar associados a disfunção erétil (impotência sexual), a manipulação do tratamento para impotência também irá variar. Um médico andrologista deve examinar o que está afetando o fluxo sanguíneo no pênis para verificar se há uma causa médica subjacente que requer tratamento imediato. Como o tratamento é feito de acordo com a origem da disfunção, é imprescindível que o paciente seja analisado por um médico. Após examinar se a disfunção erétil tem a sua causa originada de fatores psicológicos ou físicos, o tratamento adequado para combater a disfunção erétil pode ser iniciado. Lembre-se de que a automedicação pode atrapalhar ao invés de auxiliar no tratamento.

Embora muitos medicamentos sejam anunciados para lidar com a disfunção erétil, incluindo remédios naturais, eles apenas se limitam à solução momentânea. O tratamento realizado em uma clínica de andrologia especializada permitirá que a impotência sexual seja tratada completamente, a fim de garantir uma solução permanente para a dificuldade. Isto inclui não somente o uso de medicamentos, géis, cremes e spray, mas também um acompanhamento especializado, terapia e mudanças no estilo de vida.

Procure Ajuda Médica

A atitude de muitos homens vai de encontro com o que é recomendável. Pesquisas apontam que muitos adultos levam, em média, quatro anos para buscar tratamento médico. São pessoas que permanecem com a disfunção ao invés de esclarecer as suas dúvidas e obter uma solução definitiva para o seu caso. Se você estiver tendo dificuldades em obter e manter a ereção procure a ajuda necessária para solução de seu caso. Não sofra em silêncio – como fazem muitos homens. As perspectivas para os homens com disfunção erétil são altamente convidativas. Com o tratamento especializado – testes, uso de remédios e acompanhamento – os pacientes podem recuperar sua confiança, retornando à plena satisfação sexual em seus relacionamentos.

Você está passando por dificuldades? Faça uma Avaliação Médica conosco em nosso site!

Teleconsultoria Médica